Pesquisar no blog

COMO CULTIVAR: Margaridas

Devido a uma brincadeira inventada ainda na idade média, a margarida é também são conhecidas como “malmequer, bem-me-quer”. 

O passatempo, praticado até hoje, consiste em retirar as pétalas da margarida, uma a uma, pensando em alguém especial a fim de saber se a pessoa em questão lhe quer bem ou mal.

Inocência, virgindade, simplicidade, pureza, confiança, criatividade e amor leal são alguns dos significados associados a essa flor tão charmosa. 

Por isso, margaridas podem ser oferecidas como presentes para pessoas especiais, em qualquer ocasião. Homenagear alguém com um belo buquê de flores ou com cestas especiais personalizadas enfeitadas com margaridas é o mesmo que dizer a pessoa “você é tudo para mim”.


Descrição: 

Nativas de regiões situadas no hemisfério norte, mais precisamente de países europeus, as margaridas são plantas herbáceas, ou seja, não exibem estrutura lenhosa. 

Suas pétalas têm formato fino e alongado e estão dispostas em torno de um robusto botão amarelo. 

O caule delgado chega a atingir até um metro de altura e as folhas dessa planta têm forma oval. Margaridas também são plantas perenes e florescem por muitos anos quando cultivadas adequadamente.
Pertence à família das compostas, plantas estas que se caracterizam por possuir flores com um miolo redondo cercado por pétalas.


Possui vários apelidos populares, como sempre viva, bonita e margarida rasteira, isso graças ao fato de não ser apenas uma espécie de planta que é conhecida por este nome, existem várias espécies similares do gênero Bellis que são popularmente confundidas, sendo todas chamadas simplesmente de “margaridas”.

Atrai abelhas, Atrai borboletas, Flores perfumadas, Ornamental, Pode ser plantada em vasos


Época de Floração da Margarida

Devido ao seu pequeno porte de herbácea e suas flores que florescem durante todo o ano em várias cores diferentes, a margarida é muito cultivada tanto para adornar jardins, jardineiras e para a confecção de buques.

Época de Plantio da Margarida

Outono e Verão.


Requerimento de Luz da Margarida

É necessário que o plantio ocorra em local com boa incidência de sol, até mesmo pleno durante todo o dia. Em regiões de clima subtropical, as margaridas costumam ficar dormentes durante o inverno. 

Se não forem protegidas em períodos de geadas, podem ser danificadas. Em estufas, o plantio deve contar com ventilação.


Como plantar Margaridas

Aprecia locais ensolarados, solos bem férteis e com boa drenagem.

O preparo do canteiro deve receber os cuidados de destorroar, retirar inços, colocar composto orgânico e adubo animal curtido, misturando bem e nivelando.

Esta planta é, em geral, comercializada em sacos de tamanho médio ou vasos, quando já tem bom desenvolvimento e já apresentam flores.

Fazer um buraco no canteiro de mesmo tamanho e altura do torrão.
Colocar a muda, juntando mais terra ao redor e fixando-a no lugar.
Regar a seguir.

Para fazer a propagação desta planta poderemos utilizar as sementes ou fazer estaquia de ramos em areia ou substrato tipo composto de folhas e areia, mantido úmido e com saco plástico em cima até perceber que inicia seu desenvolvimento.

Plantar então em vasos até o momento de levar para os canteiros.


Irrigação da Margarida

Irrigar uma vez por semana ou quando houver necessidade. “Se a terra estiver muito seca, será necessário molhá-la, sem encharcar, para garantir uma florada exuberante”

Adubação da Margarida

Recomenda-se solo rico em matéria orgânica, com boa drenagem e adubação com fórmula 4-14-8 (N-P-K). A cada semana reponha quantidades de nitrogênio e potássio, caso ambas as substâncias não sejam fornecidas pelo esterco curtido utilizado. Encerre a adubação quando os botões estiverem bem formados.






fontes: http://www.tocadoverde.com.br/ - http://blog.giulianaflores.com.br/ - http://www.cuidar.com.br/ - http://revistagloborural.globo.com/ - http://www.fazfacil.com.br/ - http://delas.ig.com.br/
Abraços, beijinhos! Falem comigo, ok? Vou adorar!


As fotos e imagens aqui publicadas, bem como seus direitos autorais, pertencem aos seus respectivos proprietários. A minha fonte de pesquisa de todas elas está citada em todos os posts. Caso você seja proprietário de alguma imagem e queira que o seu link seja mencionado, entre em contato comigo, para que eu possa fazer as devidas alterações. Se você levar alguma imagem, seja gentil e mencione sua fonte de pesquisa. PS: Neste blog ainda não se adotam as novas regras de ortografia