Quer seguir o Jardim da Terra? Digite seu e-mail aqui:

Muito florífera, a Lobélia é uma ótima opção para compor vasos e cestas suspensas. Suas flores delicadas trazem um ar romântico para o jardim. Pode ser usada também como forração em vasos de espécies maiores.

PRÓS:
- As flores são muito bonitas e ornamentais
- As folhas também são muito ornamentais
- Crescimento rápido
- Bastante rústica
- A lobélia é uma planta que, além de ser usada como decoração, também é usada para fins medicinais. Destaca-se por melhorar as condições respiratórias, bem como por suas propriedades analgésicas.

CONTRAS:

- Todas as partes da Lobélia são tóxicas.



Descrição:

A lobélia é uma planta herbácea prostrada ou rasteira e muito florífera. Ela é muito ramificada, apresentando formato arredondado e porte baixo, de cerca de 20 cm de altura. 

As folhas são alternas, glabras, sendo que as basais são obovadas e de margens dentadas e; as superiores são mais afiladas e por vezes não apresentam as margens dentadas. 

A folhagem geralmente é verde, mas pode ser bronzeada. Atrai borboletas, Atraem beija-flores e pode ser plantada em vasos.

As cores variam do branco ao azul escuro, com o centro amarelo ou branco. O fruto é uma pequena cápsula, com cerca de 5 – 8mm, e contém numerosas sementes. 

Atualmente muitas variedades estão disponíveis, entre estas podemos citar: ‘Alba’ (de flores brancas), ‘Florepleno’ (de flores dobradas), ‘Grandiflora’ (de flores grandes), ‘Speciosa’ (pendente), ‘Blue Moon’ (de flores azuis), ‘Crystal Palace’ (folhagem bronzeada), ‘Rosamunde’ (flores vermelhas), entre outras com variações nas flores ou na folhagem.


Época de Floração da Lobélia

Surgem em profusão na primavera e no verão. A floração inicia-se cerca de quatro meses após o plantio.

Época de Plantio da Lobélia

Inverno, Outono.

Requerimento de Luz da Lobélia

Deve ser cultivada sob sol pleno ou meia sombra.






Como plantar sementes de Lobélia


- Encha um vaso raso e plano com uma camada de 5 cm a 7 cm de turfa fina e plante as sementes a aproximadamente 5 mm a 1 cm abaixo da superfície. 

- Espalhe as sementes a apenas alguns centímetros de distância entre si, pois elas serão transplantadas imediatamente após a germinação, que é o termo usado para designar o período em que a muda brota da semente.

- Regue bem a turfa, mas sem encharcá-la. Coloque o vaso em uma área que receba muita luz solar ou iluminação artificial para estufas. Mantenha a turfa úmida ao longo das próximas duas a três semanas até que a germinação ocorra.


Como transplantar mudas de Lobélia

- Transplante as mudas para vasos individuais pequenos ou uma bandeja de semeadura quatro a seis semanas após a germinação. Utilize o mesmo tipo de turfa usado para a germinação.

- Mantenha a turfa úmida ao longo das próximas quatro semanas enquanto as mudas crescem e estabelecem-se. Fertilize as mudas com um fertilizante líquido equilibrado uma vez a cada duas semanas.

- Cave buracos para cada planta de 20 cm a 30 cm de distância entre si, em uma área que receba sol pleno e pouca sombra. 

- Acrescente bastante turfa ao solo e regue bem a área após o plantio, continuando a regar regularmente a partir desse momento. 

- As lobélias gostam de muita água e várias aplicações de fertilizantes enquanto estiverem crescendo.


Irrigação da Lobélia

A lobélia precisa de irrigações constantes mas, como todas as plantas, não deve ser demasiado regada porque então suas raízes apodrecem.

Dessa forma, recomenda-se não molhar as flores da lobélia, já que têm um tato aveludado e poderiam estragar-se.


Adubação da Lobélia
Na primavera, as plantas se desenvolvem muito, fazendo necessário aumentar a quantidade de nutrientes, fornecidos por meio da adubação. Use adubo orgânico.







fontes: http://www.tocadoverde.com.br/ - http://www.jardineiro.net/ - http://www.ehow.com.br/ - http://casa.umcomo.com.br/ - http://jardinet.blogspot.com.br/ - 


Nenhum comentário:

Postar um comentário